Eletrificados crescem 78% de janeiro a abril de 2022, enquanto mercado total cai 23%

As vendas de veículos eletrificados leves cresceram 78% no primeiro quadrimestre de 2022, na comparação com o mesmo período do ano passado, reforçando a expectativa da ABVE de mais um ano positivo para a eletromobilidade no Brasil.

Com os 3.123 emplacamentos de abril, o mercado já contabiliza 12.976 unidades comercializadas no ano, contra 7.290 no primeiro quadrimestre de 2021.

Mais uma vez, o crescimento dos eletrificados segue na contramão do mercado doméstico total de leves, que caiu 23% no mesmo período, segundo a Fenabrave.

Esse contraste – eletrificados em alta e veículos convencionais em queda – tem sido constante desde 2019 (ver abaixo).

O estoque total de eletrificados em circulação no país chegou a 90 mil veículos (2012 a abril de 2022), e, no ritmo atual, deverá passar de 100 mil entre julho e agosto.

A participação desse segmento nas vendas internas totais de leves (market share) foi de 2,5% no quadrimestre e de 2,3% em abril (1,8%, de janeiro a dezembro de 2021).

Eletrificados leves = Autos + Comerciais Leves + SUVs + Utilitários (não inclui ônibus, caminhões e levíssimos). HEV (híbrido elétrico) + PHEV (híbrido elétrico plug-in) + BEV (100% a bateria).

ALERTA
Para o presidente da ABVE, Adalberto Maluf, essa tendência deveria servir de alerta às autoridades públicas, em todos os níveis, especialmente no Governo Federal.

“Vemos há mais de dois anos um nítido contraste entre o crescimento dos eletrificados e a queda ou estagnação das vendas de veículos a combustão no Brasil”.

“Os números reforçam a necessidade de o governo ter uma clara estratégia de transição rumo à eletromobilidade, pois o mercado brasileiro já fez a sua opção preferencial pelo transporte limpo e sustentável” – acrescentou.

Ainda assim, o transporte elétrico no Brasil cresce num ritmo abaixo dos principais mercados internacionais.

Os veículos elétricos plug-in atingiram 9% de market share sobre as vendas globais em 2021, com mais de 6 milhões de unidades vendidas, e poderão ficar em torno de 18% em 2022, chegando a quase 12 milhões de unidades.

Na Alemanha, o maior mercado europeu, os elétricos plug-in (BEV e PHEV) alcançaram 25% de participação nas vendas totais em março último.

Na China, no mesmo mês, os elétricos leves plug-in cresceram 118% sobre março de 2021, chegando a 28% de market share (13% na média do ano anterior).

Segundo o presidente da ABVE, o Brasil não pode ficar para trás na corrida global pela eletromobilidade, sob pena de perder competitividade internacional e deixar de criar empregos de qualidade.

“Temos de acelerar as políticas públicas que alinhem a indústria brasileira à tendência mundial de eletrificação do transporte” – concluiu Adalberto Maluf.

NÚMEROS
Evolução de emplacamentos do mercado de eletrificados e a do mercado doméstico total de leves (que incluem os veículos a combustão) nos últimos anos:

Vendas de eletrificados (autos + comerciais leves; HEV + PHEV + BEV):
1º quadrimestre de 2022: 12.967.
1º quadrimestre de 2021: 7.290.
Variação: + 78%

2021: 34.990.
2020: 19.745.
2019: 11.858.
Variação 21/20: +77%.
Variação 20/19: +66,5%.

FONTES: ABVE/Renavam/Anfavea.

Vendas domésticas totais (autos + comerciais leves):
1º quadrimestre 2022: 510.846.
1º quadrimestre 2021: 661.679.
Variação: – 23%.

2021: 1.557.957.
2020: 1.615.528.
2019: 2.261.745.
Variação 21/20: -3,5%.
Variação 20/19: -28,5%.

FONTE: Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores)
 
Eletrificados em abril 22:

  • 3.123 unidades emplacadas
  • + 15% sobre abril de 21 (2.708)
  • – 19% sobre março de 22 (3.851)

Distribuição das vendas de eletrificados por motorização em abril 22:

  • 1.966 HEV (álcool + gasolina + diesel) = 63% do total de eletrificados do mês.
  • (1.673 HEV álcool flex = 53,5%).
  • 700 PHEV = 22,4%.
  • 457 BEV = 14,6%.

Eletrificados no 1º quadrimestre de 22:

  • 12.976 eletrificados emplacados.
  • + 77,8% sobre 1º quadrimestre de 21 (7.290).

Market share (HEV + PHEV + BEV)
(Sobre o total de autos e comerciais leves emplacados no mercado doméstico no mesmo período, conforme relatório mensal da Fenabrave).

  • Abril 22: 2,3% (3.123, sobre 136.341).
  • 1º quadrimestre: 2,5% (12.967, sobre 510.846).
  • 1º trim. 2022: 2,6% (9.844, sobre 374.533).
  • Mar. 2022: 2,8% (3.851, sobre 134.904).
  • Fev. 2022: 2,8% (3.435, sobre 120.192).
  • Jan 2022: 2,2% (2.558, sobre 116.601).
  • Jan-dez 2021: 1,8% (34.990, sobre 1.974.431).
  • Jan-dez 2020: 1% (19.745 eletrificados, sobre 1.950.889).

Market share por motorização em abril 22:

  • HEV: 1,5% (1.966, sobre 136.341).
  • PHEV: 0,5% (700, sobre 136.341).
  • BEV: 0,3% (457, sobre 136.341).

Categories:

No responses yet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0 Compart.
Twittar
Compartilhar
Compartilhar
Pin